Para fazer uma reforma sem dor de cabeça, é preciso ter disciplina, qualificação, planejamento e atenção aos detalhes. Mas não é algo impossível. Dá sim para executar uma obra que respeite o orçamento, cumpra o prazo e tenha um acabamento primoroso. Nós mesmos, da Casa Unique, já fizemos isso em dezenas de imóveis.

Por isso, usamos nossa experiência para tirar as principais dúvidas sobre como reformar um imóvel sem tanto estresse e com bons resultados. Tudo para que você possa transformar seu imóvel no lugar dos sonhos.

Por onde começar?

Quem já enfrentou uma reforma traumática costuma reclamar principalmente que o prazo e o orçamento estouraram. É algo muito comum em obras desorganizadas. As pessoas começam a reforma sem planejamento ou qualquer experiência, tudo vira um caos, o dinheiro escorre pelo ralo e a obra nunca termina.

Portanto, uma atitude fundamental para quem quer fazer uma reforma sem dor de cabeça é se organizar. É preciso entender as etapas da reforma, as ordens que as coisas acontecem e o planejamento necessário para que cada fase seja cumprida tranquilamente.

Pensando nisso, os especialistas em reforma da casa Unique criaram um guia completo com 9 passos para quem quer reformar o apartamento sem dor de cabeça.

Quem deve coordenar a obra?

Outra reclamação é sobre o trabalho que a reforma costuma dar ao proprietário. Muita gente perde um tempo precioso envolvido com a obra, ainda que tenha contratado profissionais especializados – como arquitetos e engenheiros.

Quem tem um certo tempo para dedicar à compra de materiais, escolha de revestimentos e consultas frequentes sobre os rumos da obra pode até gostar dessas funções. Já quem tem uma rotina agitada e muito trabalho, fatalmente vai detestar receber ligações diárias dos profissionais para tirar dúvidas ou confirmar certas decisões.

Por isso, defina quem será o responsável pela obra. Você mesmo vai coordenar a equipe? Ou esse será o papel do arquiteto ou outro profissional contratado? Ou você prefere contratar uma empresa de reforma, como a Casa Unique, que se responsabiliza por todas as etapas da reforma e não vai te importunar?

Cada modelo tem características próprias. É importante saber, desde o início, o que funciona melhor para você de acordo com seu perfil e sua disponibilidade de tempo.

Como o imóvel vai ficar depois de pronto?

Fazer um bom projeto de reforma é essencial para garantir que a obra alcance o resultado esperado, com a qualidade desejada e sem estourar prazo e custos. Mas muitas pessoas negligenciam esta etapa.

É comum “correr” com o projeto e já começar o quebra-quebra. Não vale a pena. Discutir as necessidades da família, imaginar como cada espaço será usado e tentar projetar algumas necessidades futuras são etapas fundamentais para desenhar a obra e dimensionar corretamente os espaços.

Também é importante separar o que é modismo e o que é tendência e analisar o comportamento das pessoas na casa. Faz sentido integrar sala e cozinha, por exemplo? Que tal transformar a planta para redimensionar a área e as dependências de serviço?

Outro ponto que merece reflexão são os armários. Não basta pensar nas peças atuais. Vale também considerar as aquisições futuras.

Por fim, é preciso dimensionar corretamente o número de tomadas e sua localização. Estamos cada vez mais cercados de aparelhos tecnológicos.Precisamos criar uma planta elétrica que dê conta desses novos hábitos.

Pensar na dinâmica da família é essencial para entender como cada espaço será usado e assim criar um projeto que uma beleza e funcionalidade.

Quanto vai custar?

Por que é tão difícil definir o orçamento da reforma e manter os custos dentro do que foi previsto? Por que temos sempre a sensação de que gastamos mais ao longo da obra?

A resposta está no escopo e no padrão de qualidade.

É bem comum que, no começo da obra, você pense apenas em fazer uma reforma superficial do imóvel. Porém, ao longo do processo, você percebe que vale a pena trocar as janelas, por exemplo.

Para não correr o risco de se empolgar e aumentar o escopo durante a obra, convém estudar bastante quais serão as mudanças logo no começo. E depois fazer um esforço para se ater ao que ficou decidido inicialmente.

A mesma coisa vale para o padrão dos materiais e da equipe contratada. O preço de revestimentos, por exemplo, pode variar absurdamente de acordo com a qualidade dos materiais.

Para não ter surpresas e nem estourar o orçamento, é preciso que você estabeleça o padrão que cabe no seu bolso. Entenda, logo de cara, qual é o padrão e a vocação do imóvel e o nível dos serviços que você tem que contratar para a reforma ter o resultado esperado. E não esqueça de reservar um valor extra para imprevistos.

QUER SABER MAIS SOBRE A CASA UNIQUE? ACESSE NOSSO PORTFÓLIO E CONHEÇA OS PROJETOS QUE JÁ DESENVOLVEMOS